Perguntas frequentes

Nesta página você vai poder passar a limpo as suas dúvidas sobre o Plano da MSD Prev. Procure nas respostas abaixo. Se você não encontrar o que quer, entre na página Contato e mande sua dúvida para nós. Se ela for do interesse de todos os participantes, o esclarecimento será publicado aqui.

Serão considerados participantes da MSD PREV todos os empregados de patrocinadora que optarem por contribuir para o Plano de Aposentadoria.
Merck Sharp & Dohme Farmacêutica Ltda., Patrocinadora Instituidora da Sociedade, bem como outras empresas, as quais serão denominadas Patrocinadoras, mediante a celebração do competente convênio de adesão, que será submetido à aprovação da autoridade competente
Contribuição Básica ( base de cálculo = salário + prêmio de vendas + 13º salário) Contribuição Voluntária ( base de cálculo = salário + prêmio de vendas + 13º salário) Contribuição Esporádica - Qualquer valor de livre escolha pelo participante
A contribuição Básica do participante será calculada da seguinte forma:

Parcela do Salário Aplicável até 20 UPs (R$ 8.776,80): opção por um porcentual de 1% a 3% em múltiplos de 0,5% (1%, 1,5%, 2%, 2,5% ou 3%).

Parcela do Salário Aplicável a partir de 20 UPs (R$ 8.776,80): opção por um porcentual de 1% a 6% em múltiplos de 0,5% (1%, 1,5%, 2%, 2,5%, 3%, 3,5%, 4%, 4,5%, 5%, 5,5% ou 6%).

Portanto, o valor da contribuição do participante que tiver salário até R$ 8.776,80 será o resultado do porcentual por ele escolhido (entre 1% e 3%) vezes o valor do salário que recebe.

Se o salário aplicável do participante for superior a R$ 8.776,80, o valor de sua contribuição será o resultado do porcentual por ele escolhido vezes a faixa de seu salário até R$ 8.776,80, somado ao resultado do porcentual escolhido vezes a faixa de seu salário que superar R$ 8.776,80.

Acompanhe pelos exemplos como é feito o cálculo das contribuições:

Funcionário A Salário: R$ 1.500,00 Porcentual escolhido: 3% Contribuição do participante: R$ 45,00

Funcionário B Salário: R$ 10.000,00 Porcentual escolhido para aplicar sobre a parcela do salário até 20 UPs = 3% cálculo: R$ 8776,80 x 3% = R$ 263,30 Porcentual escolhido para aplicar sobre a parcela do salário a partir de 20 UPs = 6% cálculo: R$ 10.000,00 - R$ 8.776,80 = R$ 1.223,20 x 6% = R$ 73,39

Contribuição do participante = R$ 263,30 + R$ 73,39= R$ 336,69

Obs: Para poder optar por um porcentual na parcela do salário aplicável a partir de 20 UPs o participante deve ter optado por 3% na parcela do salário aplicável inferior a 20 UPs.
As faixas de contribuição são reajustadas anualmente pelo INPC, no mês de janeiro.
A base de cálculo da contribuição Voluntária é igual à da contribuição Básica: salário + prêmios e 13º salário.
Para a contribuição Voluntária, você poderá escolher um porcentual entre 1% e 6%, em múltiplos de 0,5% (1%, 1,5%, 2%, 2,5%, 3%, 3,5%, 4%, 4,5%, 5%, 5,5% ou 6%).
O Participante que estiver efetuando contribuição para o plano poderá efetuar via boleto bancário, contribuição esporádica nos meses de novembro e dezembro, cujo valor será estipulado pelo próprio participante.
Sim, você poderá alterar suas contribuições nos meses de janeiro e junho, para vigorar respectivamente em fevereiro e julho.
Sim, você poderá suspender suas contribuições a qualquer momento e voltar a contribuir a qualquer momento.
Os benefícios oferecidos pelo Plano são: Aposentadoria , Aposentadoria por Invalidez, Abono Anual e Pecúlio por Morte. Para os participantes oriundos do Plano OBS: Aposentadoria Vitalicia e Pensão por Morte
Você terá direito a requerer um benefício de Aposentadoria quando se desligar da patrocinadora tendo, no mínimo, 55 anos de idade.
O participante ativo poderá requerer o benefício por Invalidez na data em que preencher as seguintes condições: - ter cessado qualquer pagamento de complementação pela patrocinadora; - ser elegível a um benefício de invalidez pela Previdência Social.
Sim, para a concessão do benefício por Invalidez para o participante Ativo e para o participante Especial, excetuado aquele já aposentado por invalidez pela Previdência Social, a Entidade poderá solicitar, se necessário, que o participante seja examinado por clínico definido por ela, o qual atestará sua Invalidez descrevendo a natureza e grau, determinando a data dos próximos exames caso necessários.

O benefício de aposentadoria por Invalidez será cancelado se o INSS suspender seu próprio benefício de aposentadoria por Invalidez ou no caso de o beneficiário se recuperar da invalidez.

O pecúlio por morte será concedido, aos beneficiários do participante Assistido ou Ativo que vier a falecer.
Autopatrocinado é o participante Ativo que, após cessar seu vínculo empregatício com a patrocinadora, opta por continuar contribuindo para o Plano de Aposentadoria.
Exceto o benefício de Pecúlio por Morte, que será efetuado em pagamento único aos beneficiários do participante, para receber os benefícios de Invalidez e Aposentadoria o participante tem à sua escolha três opções:

- receber um pagamento único de até 25% do Saldo da Conta do participante (empresa + empregado) e o restante em pagamentos mensais, em número constante de quotas, por um período entre 5 anos e 20 anos; - receber um benefício de renda mensal, de 0,1% a 2,5% calculado mensalmente sobre o saldo da Conta do participante (empresa + empregado); - receber uma renda mensal em moeda corrente nacional, não podendo ser inferior a 0,1% nem superior a 2,5% do saldo da Conta do participante (empresa + empregado).

A opção pelo pagamento de até 25% do Saldo da Conta do participante em parcela única poderá ser solicitada uma única vez, em qualquer época durante o período de concessão de benefício. - receber em forma de renda vitalícia, só poderá optar por essa renda quem era oriundo do plano OBS
O valor mensal do benefício por invalidez corresponderá a uma renda mensal calculada sobre o valor atualizado do saldo de conta de previdência individual do participante (contribuições do funcionário e da patrocinadora).
Portabilidade é o direito que o participante tem de transferir os recursos financeiros correspondentes ao seu direito acumulado, para outro plano de benefício de caráter previdenciário, operado por entidade de previdência complementar ou por sociedade seguradora autorizada a operar esse outro plano.
Direito acumulado são as reservas constituídas pelo Participante, podendo ser acrescida das cotas da Conta de Contribuição da Patrocinadora.
Após cessar seu vínculo empregatício com a patrocinadora, tendo no mínimo 3 anos de Vinculação ao Plano e antes de ser elegível ao Benefício de Aposentadoria.
Os beneficiários do participante receberão em pagamento único o benefício de pecúlio por morte, no valor do saldo total disponível (empresa + empregado).
Além das contribuições que ele efetuava, o participante Autopatrocinado deverá arcar com as contribuições que seriam feitas pela patrocinadora.
As contribuições do Autopatrocinado serão pagas diretamente à MSD PREV, mensalmente, 12 vezes ao ano, até o último dia útil do mês de competência. Sem nos esquecermos de que, em dezembro, a contribuição deverá ser paga em dobro.
Os beneficiários do participante são os beneficiários legais e os beneficiários indicados.

São beneficiários legais: - o Cônjuge ou Companheiro do participante e seus filhos, incluindo enteados, menores de 21 anos de idade, limite esse estendido até 25 anos se o filho ou enteado estiver frequentando curso superior em estabelecimento de ensino oficial. Não haverá limite de idade para filho total e permanentemente inválido.

São beneficiários indicados: - quaisquer pessoas físicas, independente de vínculo familiar com o participante.
Na ausência de beneficiários legais e de beneficiários indicados, o pagamento será realizado aos herdeiros legais do participante, mediante apresentação de alvará ou escritura pública de inventário e partilha expedida pela autoridade competente.
A MSD PREV não emitirá extratos. O participante poderá consultar mensalmente o seu saldo neste site.
Não pode receber, pois o resgate somente será permitido quando se desligar da patrocinadora.
Sim. O imposto de renda será retido conforme o Regime de Tributação escolhido no momento da inscrição ao plano.
Sim, pois a maioria das pessoas, que procura a previdência privada, não conhece as vantagens tributárias que esse produto oferece. Participantes, que efetuam contribuições para planos de previdência, podem dedicar até 12% da sua renda bruta anual para abatimento do imposto de renda de pessoa física.